No “Conexão Repórter” desta quarta-feira, 19 de março, Roberto Cabrini percorre os corredores de um presídio com um dos maiores índices de crimes sexuais no Brasil e investiga histórias de homens que cometeram estupros.

Eles vivem totalmente isolados, ocupam alas especiais dos presídios e são considerados seres humanos da pior espécie entre os próprios criminosos.


Na cadeia são chamados de “jackie’s” e carregam o peso de provocar o sofrimento em pessoas indefesas. Para eles, pior do que a punição da lei é a justiça paralela feita pelos outros presos.

Cabrini entrevista presos com controversas personalidades, entre eles: Lourenço dos Santos, 30 anos, condenado a 61 anos de prisão por assassinar e violentar a enteada de apenas 3 anos de idade; e Solimar Costa, 22 anos, foi preso por estuprar e matar a mulher com quem estava se relacionando.

 

CONEXÃO REPÓRTER, nesta quarta, às 23h