Assinar petição CQC para mudar as leis de trânsito – Sessão TV.br
13 mar, 2012

Posted by | 7 Comments

Assinar petição CQC para mudar as leis de trânsito

 

Não foi acidente

Esse é um post sério, de prestação de serviço público, no qual o CQC manifesta seu apoio à campanha Não Foi Acidente. Ela é uma iniciativa de Rafael Baltresca, que está vivo. A mãe e a irmã dele, no entanto, não estão mais. Isso porque elas foram atropeladas em cima da calçada por um motorista embriagado. Você não lembra da história? Aconteceu em setembro de 2011 em São Paulo, em mais um caso de imprudência no trânsito.

De uma coisa Rafael tem certeza: não foi acidente. Esse, inclusive, é o nome do site que ele sustenta com um objetivo maior, o de modificar a legislação brasileira para que penas mais duras sejam aplicadas a quem decide beber e dirigir.

Sim, dirigir depois de ingerir bebidas alcoólicas é uma decisão que pode levar à morte de outras pessoas, inclusive a sua. Se você concorda que o motorista que toma essa decisão está conscientemente colocando vidas em perigo, assine a petição online. Faça parte dessa iniciativa que pede que mortes causadas por embriaguez ao volante sejam tratadas como o que são: homicídio com intenção de morte.

Para que essa mudança seja encaminhada ao Presidente do Congresso Nacional, são necessárias 1 milhão e 300 mil assinaturas. Se você acha que não tem nenhum motivo para participar, Rafael te dá vários.

ASSINE AQUI: http://naofoiacidente.org/site/assine/

Assista à matéria do Proteste Já sobre violência no trânsito:

 

Fonte: Blog CQC

  1. iSSO SÓ VAI MUDAR QUANDO OS MOTORISTAS BEBADOS COMEÇAREM A ATROPELAR FAMILIARES DE POLÍTICOS.
  2. sou agente de transito e concordo que a lei tem que mudar senao mudas vidas vamos perde para gente que aja que estar acima da lei .vamos nos mobilizar para salvar nossa geraçao futura.
  3. Punição para quem dirige embriagado.
  4. apoio total CAMPANHA DE TRÂNSITO
  5. APOIO TOTAL. PUNIÇÃO PARA QUEM DIRIGE EMBRIAGADO.
  6. Vamos acabar com a impunidade.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: